Blog

Colesterol HDL alto ligado a efeitos cardiovasculares adversos

Novo estudo sugere que níveis muito elevados de colesterol HDL (HDL-C) podem, na verdade, ser nocivos.

Pesquisadores investigaram a relação entre níveis de HDL-C e resultados cardiovasculares (CV) adversos em 5.965 indivíduos de uma população de risco. Os indivíduos foram estratificados por categoria de HDL-C (<30, 31-40, 41-50, 51-60 e ≥60 mg/dl). Os autores identificaram uma associação em formato de U entre o HDL-C e mortalidade/infarto do miocárdio (IM) não fatal e mortalidade por todas as causas. Participantes com níveis de HDL-C maiores que 60 mg/dl (1,5 mmol/l) corriam um risco cerca de 50% maior de morrer por uma causa cardiovascular ou de ter um IM em comparação àqueles com níveis de colesterol HDL de 41 – 60 mg/dl. Comentando sobre os achados, o autor do estudo Dr. Marc Allard-Ratick da Escola de Medicina da Universidade de Emory, Atlanta, EUA, disse: “Pode ter chegado a hora de mudar a maneira como encaramos o colesterol HDL. Tradicionalmente, os médicos têm dito aos seus pacientes que quanto mais elevado o seu colesterol ‘bom’, melhor. Contudo, os resultados deste estudo e de outros sugerem que este pode não ser mais o caso.” Dr. Allard-Ratick concluiu: “Uma coisa é certa: o mantra do colesterol HDL como o colesterol ‘bom’ pode não ser mais o caso para todos.” Esses achados foram apresentados no Congresso da Sociedade Europeia de Cardiologia realizado recentemente.

Fonte: univadis / 03/09/2018

Leave a Comment

Name*

Email* (never published)

Website